Brasil

Mercadante manda estudante se virar com curso técnico

Mercadante manda estudante se virar com curso técnico
Diante da falta de vagas nas universidades federais, Mercadante orienta candidatos do Enem a se contentarem com um curso técnico.

Admitindo a absoluta falta de investimentos em educação e a crônica falta de vagas nas universidades federais, o Ministro da Educação, Aloísio Mercadante encontrou a solução para o problema dos cerca de seis milhões de alunos inscritos no Enem que não entrariam em uma universidade federal nem se tirassem nota máxima nas provas: temos 240 mil vagas no ensino técnico!

“Tivemos mais de 7,2 milhões de inscritos no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Aumentamos em 150% as matrículas nos últimos anos, mas só temos vaga para 1,2 milhões desses estudantes. Por isso que digo que a opção hoje é curso técnico”, orientou Mercadante.

O gênio da matemática só se esquece que neste cenário, mais de cinco milhões e meio de candidatos continuariam a ver navios. Sem contar que há cerca de três milhões de candidatos ávidos para ocupar uma das 240 mil vagas oferecidas no Seleção Unificada para o Ensino Técnico (Sisutec).

Na matemática da realidade, pelo menos dez milhões de infelizes estão condenados à uma vida medíocre por não terem acesso ao ensino superior. Mas isso não quer dizer que não terão de pagar uma das mais altas taxas de impostos do mundo. Vão continuar sendo esfolados pelo governo ainda na saúde, transportes, segurança, habitação, etc. Estamos todos fodidos mesmo.

 

Brasil

More in Brasil

Informação com independência editorial.

Copyright © 2016 Dominio do Fato