Negócios

Preço de eletrodoméstico tem variação de até 60%, diz Procon-SP

Preço de eletrodoméstico tem variação de até 60%, diz Procon-SP

Os preços de eletrodomésticos vendidos na capital paulista variam até 60,06%, segundo aponta pesquisa da Fundação Procon-SP, divulgada nesta segunda-feira (3). A maior variação foi verificada no valor de uma secadora de roupas BSR10AB, 10 kg, Ative Piso, 110 V, cor branca, Brastemp. Enquanto o produto custava R$ 1.599 em uma loja, em outra saia por R$ 999.


Do total dos itens pesquisados, o estabelecimento Lojas Cem foi o que apresentou a maior
quantidade de produtos com menor preço (36 itens de 67 encontrados), segundo a pesquisa.


O levantamento foi realizado entre os dias 29 e 31 de outubro, em oito estabelecimentos da capital. Foram pesquisados 108 itens de diferentes marcas e modelos entre depurador de ar, fogão, forno de micro-ondas, lavadora semi-automática (tanquinho), máquina de lavar roupas, lavadora e secadora de roupas, secadora de roupas, refrigerador de uma e de duas portas e freezer vertical.


“Pela internet é possível visitar os sites das lojas e ter ideia do preço praticado por elas, sem perder muito tempo. Dessa forma, fica mais fácil escolher os estabelecimentos para visitar e comparar preços, que podem ter variações consideráveis de um estabelecimento para outro, inclusive por ocasião de descontos especiais e promoções. Além disso, é possível encontrar diferenças, inclusive entre lojas da mesma rede”, diz diretor executivo do Procon-SP, Paulo Arthur Góes, em nota.


Número de itens, por loja, com preços menores ou iguais aos preços médios obtidos:


Norte:
Magazine Luiza – 35 itens de 94 encontrados (37%)
Lojas Cem – 56 itens de 67 encontrados (84%)


Sul:
Walmart – 22 itens de 42 encontrados (52%)


Leste:
Carrefour – 16 itens de 42 encontrados (38%)
Extra – 20 itens de 46 encontrados (43%)


Oeste:
Ponto Frio – 40 itens de 81 encontrados (49%)
Pernambucanas – 19 itens de 28 encontrados (68%)


Centro:
Casas Bahia – 21 itens de 67 encontrados (31%)


 


Mais Economina & Negócies em Domínio do Fato

Negócios

More in Negócios

Informação com independência editorial.

Copyright © 2016 Dominio do Fato