Brasil

Segurança do Piauí cria novo grupo de repressão ao crime organizado

Segurança do Piauí cria novo grupo de repressão ao crime organizado

O secretário estadual de Segurança Pública do Piauí, Robert Rios Magalhães, assinou uma portaria extinguindo a Comissão Investigadora do Crime Organizado (Cico) para criar o Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco). Segundo ele, a mudança é um aperfeiçoamento da segurança no estado.

Em entrevista ao G1, Rios disse que o novo órgão funcionará como um braço operacional da inteligência da polícia. “Estamos fazendo uma adequação da Cico. Em nenhum outro lugar do país um grupo de inteligência é chamado de ‘comissão’. No mais continuaremos a realizar o mesmo trabalho de combate às organizações criminosas, roubos, sequestros, cárcere privado e extorsão”, explica.

De acordo com o secretário, a Greco estará subordinada diretamente ao Gabinete do Secretário de Segurança e será comandada pelo delegado Menandro Pedro, que atualmente responde pelo no 25º Distrito Policial de Teresina. “Escolhemos o delegado Menandro pelo grande trabalho prestado a sociedade piauiense. Ela participou do início da Cico e tem vasta experiência na polícia”, declara Robert Rios.

Ainda segundo ele, com a mudança, alguns funcionários lotados na Cico serão aproveitados pela Greco e outros remanejados para a Delegacia de Homicídios do Piauí, que está em processo de criação.

Indagado se a extinção da Cico seria devido a um desgaste na imagem da instituição, devido a repercussão do Caso Fernanda Lages, o secretário negou qualquer ligação. “A Cico prestou grande serviço à sociedade piauiense. A investigação da morte de Fernanda pela Polícia Federal só veio comprovar que a polícia do Piauí é eficiente. A PF apresentou o mesmo resultado que a gente, mesmo após utilizar recursos de última tecnologia para investigar as causas da morte”.

A Cico foi criada há aproximadamente 15 anos para atuar em operações policiais do Piauí ligadas ao crime organizado.

Para ler mais notícias do G1 Piauí, clique em g1.globo.com/piaui. Siga também o G1 Piauí no Twitter e por RSS.

Domínio do Fato – Mais Notícias do Brasil

Brasil

More in Brasil

Informação com independência editorial.

Copyright © 2016 Dominio do Fato