Giro Notícias

Porto Seguro: TCU vai apurar conduta de ex-servidor

Porto Seguro: TCU vai apurar conduta de ex-servidor

Brasília – O Tribunal de Contas da União (TCU) informou hoje (27) que abrirá sindicância, via corregedoria, para apurar a conduta funcional do ex-servidor Cyonil da Cunha Borges Faria Júnior, apontado como autor das denúncias que levaram a Polícia Federal (PF) a deflagrar a Operação Porto Seguro, que investiga a venda de pareceres públicos para atender a interesses privados.

“A conduta funcional do ex-servidor Cyonil e seus respectivos desdobramentos serão objeto de apuração perante a Corregedoria do TCU”, informa a nota.

Conforme nota divulgada pela PF, no último dia 23, o inquérito foi aberto em março de 2011. A denúncia partiu de um servidor do tribunal “que se viu envolvido num esquema no qual foram oferecidos R$ 300 mil para que elaborasse um parecer técnico para beneficiar um grupo empresarial do setor portuário.”

O TCU ainda informa que não tem notícias de que servidores ou autoridades do tribunal estejam sob investigação da Polícia Federal. O gabinete do ministro José Múcio Monteiro, que teria sido citado por Cyonil nos depoimentos, também pediu sindicância para apuração dos fatos.

Giro de Notícias Domínio do Fato

Giro Notícias

More in Giro Notícias

Informação com independência editorial.

Copyright © 2016 Dominio do Fato