Tecnologia

Vendas da ‘Black Friday’ no país mais que dobram e somam R$ 217 milhões

Vendas da ‘Black Friday’ no país mais que dobram e somam R$ 217 milhões

As vendas da “Black Friday” no Brasil movimentaram R$ 217 milhões no comércio eletrônico, divulgaram nesta segunda-feira (26) os organizadores do evento. O montante representa um valor 117% superior ao apresentado na mesma data do ano passado, apesar de problemas como instabilidade em uma parcela dos sites participantes e indícios de maquiagem de preços.

O portal Busca Descontos, que trouxe ao Brasil o evento herdado dos norte-americanos, projetava R$ 135 milhões para as 24 horas de vendas. Em sua segunda edição, o evento rendeu ao e-commerce brasileiro R$ 100 milhões. 

Na última sexta-feira (23), durante 24 horas, mais de 300 lojas virtuais ofereceram ofertas de até 75% de desconto.

Segundo levantamento da ClearSale, empresa especializada em autenticação de compras virtuais, bastaram apenas 12 horas para que o evento registrasse o recorde de vendas estabelecido na edição de 2011. Foram realizados 541.486 pedidos, com ticket médio de R$ 401. As categorias mais buscadas foram Eletrônicos, Informática, Celulares, Eletrodomésticos e Games.

Consumidores da região Sudeste responderam pela maior parte dos acessos (71,5%), seguidos de Sul (11,2%), Nordeste 9,9%, Centro-Oeste (5,2%) e Norte (2,1%). No site oficial da Black Friday Brasil (www.blackfriday.com.br) a maior movimentação aconteceu na primeira hora da ação, segundo os organizadores, quando foram registrados picos de 75 mil acessos simultâneos.

Maquiagem de preço
A Fundação Procon de São Paulo notificou na sexta-feira (23) algumas das empresas participantes da “Black Friday” por indícios de maquiagem nos descontos. As empresas têm até a próxima sexta-feira (30) para responder ao Procon.

Foram notificados: Extra (lojas física e virtual), Ponto Frio, Submarino, Americanas.com, Wal-Mart, Saraiva e Fast Shop. O organizador do evento também será notificado para explicar sobre problemas que alguns consumidores apresentaram no acesso a alguns links de ofertas e sites de lojas.

Para ler mais notícias do G1 Economia, clique em g1.globo.com/economia. Siga também o G1 Economia no Twitter e por RSS.

Domínio do Fato Tecnologia

Tecnologia

More in Tecnologia

Informação com independência editorial.

Copyright © 2016 Dominio do Fato